terça-feira, agosto 30, 2011

ALUNA GISELA - 5º. ANO 2 - LEITURA NA BIBLIOTECA

"Livros são os mais silenciosos e constantes amigos;
 os mais acessíveis e sábios conselheiros; 
e os mais pacientes professores." (Charles W. Elliot)

sábado, agosto 20, 2011

PARA REFLETIR - MUITO LINDO - FELIZ DOMINGO!!!


A Loja de Deus

Certo dia, entrei em uma loja muito diferente e vi um senhor no balcão. Maravilhado com a beleza da loja, perguntei:
  • Senhor, o que vende aqui?
  • Aqui vendemos os dons de Deus - foi a resposta dele.
  • E custam muito? - voltei a perguntar.
  • Não custam nada, aqui tudo é de graça.
Contemplei admirado a loja. Vi que havia jarros de amor, vidros de fé, pacotes de esperança, caixinhas de salvação, potes de saúde, fardos de perdão, caixas grandes de paz e muitos outros dons de Deus.
  • Por favor, quero o maior jarro de amor, todos os fardos de perdão e um vidro grande de fé, para mim e para toda a minha familia!
Tomei coragem e pedi:
  • Como é possível estar aqui tudo o que pedi?
Então o senhor preparou tudo e entregou-me um pequeno embrulho que cabia na palma da minha mão incrédula. Eu disse, surpreso:
Sorrindo, o senhor me respondeu:
  • Meu querido, na loja de Deus, não damos os frutos, só as sementes. Plante-as.
A Bíblia diz que "dom de Deus" é um presente que Deus dá para nós. Como é presente, é de graça. E o maior presente que Deus nos deu foi a vida de seu filho. Está escrito em Romanos 6:23 "Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus".
Pela Bíblia sabemos que tudo o que é dom procede somente de Deus, e Ele nos oferece gratuitamente, é só querermos: "Toda boa dádiva e todo dom perfeito é lá do alto..." (Tiago 1:17). Deus quer nos dar vida eterna através de Jesus. Portanto, aceite Jesus, o maior dom de Deus!
"Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus". (Efésios 2:8).
Fonte: autor desconhecido

ALÔ PESSOAL TEM SORTEIO NO BLOG BAU DE LETRAS

segunda-feira, agosto 15, 2011

LEGAL PARA FAZER TEATRO COM OS ALUNOS BLOG NA CASA ENCANTADA : A DESCOBERTA DA JOANINHA


A Descoberta da Joaninha





Dona Joaninha vai a uma festa em casa da lagartixa.

Vai ser uma delícia!

Todos os bichinhos foram convidados...

Dona Joaninha quer ir muito bonita!

Porque, assim, todo mundo vai querer dançar e conversar com ela!

E ela poderá se divertir a valer!...

Por isso, colocou uma fita na cabeça, uma faixa na cintura, muitas pulseiras nos braços e ainda levou um leque para se abanar.

No caminho encontrou Dona Formiga, na porta do formigueiro, e disse:

- Bom dia, Dona Formiga!

Não vai à festa da lagartixa?

- Não posso, minha amiga. Ontem fizemos mudança e eu não tive tempo de me preparar...

- Não tem problema! Tudo bem! Eu posso emprestar a fita que tenho na cabeça e você vai ficar linda com ela! Quer?

- Mas que legal, Dona Joaninha!

Você faria isso por mim?

- Claro que sim! Estou muito enfeitada! Posso dividir com você.

E lá se foram as duas. A Formiga radiante com a fita na cabeça.

Dali a pouco encontraram Dona Aranha, na sua teia, fazendo renda.

Ao ver as duas, a aranha falou:

- Oi! Onde vão vocês duas tão bonitas?

- À festa da lagartixa! Você não vai?

_ Sinto muito! Não posso...tive muitas despesas e sem dinheiro não pude me preparar para a festa!

Não seja por isso! disse a Joaninha - Estou muito enfeitada! Posso bem emprestar as minhas pulseiras...Vão ficar lindíssimas em você!

- Que maravilha! disse a aranha entusiasmada.

- Sempre tive vontade de usar pulseiras nos braços! Dona Joaninha, você é legal demais! Sabia?

E dona Aranha, muito beliz, acompanhou as amigas.

Logo adiante encontraram a taturana. Como sempre, morrendo de calor!

- Oi, Dona Taturana! Como vai?

- Mal! Muito mal com esse calor!...Sabe que nem tenho coragem de ir à festa da lagartixa?

- Ora! Mas para isso dá-se um jeito! disse a Joaninha muito amável. - Poderei emprestar o meu leque.

E lá se foi também a taturana, felicíssima, abanando-se com o leque e encantada com a gentileza da amiga.

Mas, logo depois, deram de cara com a minhoca, que tinha posto a cabeça para fora da terra para tomar um pouco de ar.

- Dona Minhoca não vai à festa? disse a turminha ao passar por ela.

- Não dá, sabe? Eu trabalho demais! Quase não tenho tempo para comprar as coisas de que preciso... E, agora, estou sem ter uma roupa boa para vestir! Sinto bastante! Porque sei que a festa vai ser muito legal! Mas, que se vai fazer...

- Ora, Dona Minhoca - disse a joaninha com pena dela. - Dá-se um jeito...Posso emprestar a minha faixa e com ela você ficará muito elegante!

A minhoca ficou contentíssima! E seguiu com as amigas para a festa.

Dona Joaninha estava tão feliz com a alegria das outras que nem reparou ter dado tudo o que ela havia posto para ficar mais bonita.

Mas, a alegria do seu coração aparecia nos olhos, no sorriso, e em tudo o que ela dizia! E isso a fez tão linda, mas tão linda que ninguém na festa dançou e se divertiu mais do que ela!

Foi então que a Joaninha descobriu que para a gente ficar bonita e se divertir, não é preciso se enfeitar toda.

Basta ter o coração bem alegre, que essa alegria de dentro deixa a gente bonita por fora! E ela conseguiu essa alegria fazendo todo aquele pessoal ficar feliz!

 Autora: Bellah Leite Cordeiro
Fonte: Blog - Na Casa Encantada












domingo, agosto 14, 2011

VI E GOSTEI, NO BLOG NA CASA ENCANTADA - CORDEL CHAPEUZINHO VERMELHO


CORDEL CHAPEUZINHO


A estória de Chapeuzinho Vermelho

O lobo mau esperava
O Chapeuzinho Vermelho
Na estradinha do bosque
Olhava pelo um espelho
Queria lhe devorar
Pra sua fome aplacar
Da barriga ouvia conselho.
Por outra estrada ela foi
Sem atentar pro perigo
Cantando pela vereda
Procurava seu abrigo
Na casa da vovozinha
Que ali morava sozinha
Sem vizinho e sem amigo.
O lobo mau foi na frente
A vovozinha devorou
Vestindo a roupa dela
Na vovó se transformou
A menina chegou cansada
Não desconfiou de nada
E logo na casa entrou.
Mas que olhos imensos
A menina perguntou
É para te ver melhor
O lobo arrematou
E essa orelha grande
Esse chapéu não esconde
Chapeuzinho estranhou.
E pra te ouvir bastante
Disse o lobo descarado
Nossa que nariz enorme
Pra ele foi perguntado
É pra te dar muito cheiro
Sentir teu aroma inteiro
Respondeu o lobo danado.
E essa boca gigantesca
De longe dá para vê
O lobo se apresentou
Falou o que veio fazer
Arreganhando o dente
A boca aberta e contente
A menina quis comer.
De repente ela viu
Que a sua vó era o lobo
Começou logo a gritar
Fazendo a fera de bobo
Os caçadores ouviram
Mataram o lobo de tiro
E contaram para o povo.
Abriram a barriga do lobo
E salvaram a vovozinha
Que foi engolida inteira
Mas ainda tava vivinha
Chapeuzinho ficou feliz
É isso que o conto diz
Nessa bonita estorinha.
Autor: Daniel Fiuza  
Cordel baseado na estória de Charles Perrault

VENHA CONHECER O MEU NOVO BLOG

domingo, agosto 07, 2011

DIA DOS PAIS - LINDO TEXTO



HISTÓRIA PEZINHOS TROCADOS

ERA UMA VEZ ,
COMO MUITAS OUTRAS VEZES...
VIVIA, NUMA CIDADE MODERNA, UM PAIZINHO QUE SE

 LEVANTAVA MUITO CEDO E CHEGAVA MUITO TARDE DO TRABALHO.
ELE QUASE NÃO VIA OS SEUS MUITOS FILHOS ACORDADOS PARA
CONVERSAR,COMO FAZIAM OS PAIS E OS FILHOS ANTIGAMENTE
.SEM JAMAIS TER SE CONFORMADO COM A FALTA DOS PULOS DOS FILHOS
 NO SEU PESCOÇO,QUE QUASE O LEVAVAM AO CHÃO, E DE SER PUXADO
 POR OUTROS PELAS MÃOS,PENSOU EM COMO SUBLIMAR ESSE DESEJO
 DE CONVERSAR COM OS FILHOS,ACARICIÁ-LOS AO SAIR E AO CHEGAR 
COMBINOU COM AS CRIANÇAS QUE , QUANDO PARTISSE PARA O
TRABALHO E AO RETORNAR , ALÉM DE BEIJAR SEUS ROSTINHOS,
TROCARIA OS PEZINHOS DE SEUS CHINELINHOS DE LUGAR.
 COM ESSE GESTO, ESTARIA DIZENDO:
- PAPAI AMA MUITO VOCÊS,SEJAM OBEDIENTES,FELIZES
 E SORRIDENTES,TENHAM UM BOM DIA,DEUS OS ABENÇOE, 
FILHOS QUERIDOS. E QUEM ENCONTRAR SEUS CHINELINHOS 
DESEJARÁ UM BOM DIA AO SEU IRMÃOZINHO.

OS FILHOS JÁ ACORDAVAM RINDO,PORQUE PROCURAR 
SEUS CHINELOS ERA COMEÇAR O DIA BRINCANDO.